Como se faz: Fundo Para Fotos de Comida

Como se faz: Fundo Para Fotos de Comida via PratoFundo.com

Deve fazer quase 2 anos que estacionei no meu estilo de fotografia: fundo branco, bem estourado e o tema no centro. Normalmente não faço uma composição de cena com muitos elementos, na minha visão prefiro ser o mais minimalista possível.

Para conseguir esse fundo branco desejado já usei muita coisa desde folha A4 a tecido branco. Todos funcionam dentro de suas capacidades e conforme a fonte de luz, no meu caso, a luz solar. Nem sempre consigo o efeito desejado, infelizmente.

Quando li o artigo Making white textured backdrops for food photography no Food Blog Forum (infelizmente, o fórum saiu do ar) pensei: se usasse papelão ao invés de madeira, daria certo?

Para a tinta, optei por tinta acrílica para tecido. O custo/benefício era melhor, a acrílica normal o potinho de 37mL custava r$2,20, enquanto a tecido saiu por r$6,50 de 250mL. Considerando que o único gasto que tive foi nisso, acredito que é um investimento barato. Tanto o papelão como o pincel eu já tinha. Está valendo, não?

Como se faz: Fundo Barato para Fotos de Comida

O processo é bem simples, passei duas mãos de tinta no papelão grosso (era uma caixa), o tamanho vai depender do espaço que você tem disponível. E esperei secar bem. A superfície fica com um que de plástico/acrílico.

Claro que não vai ser a mesma coisa dos plexiglass da vida ou a mesa infinita profissional, mas quando se trabalha “on the cheap” está valendo. Para deixar o fundo colorido uso cartolina americana (foi esse nome que a vendedora usou): colorida de um lado, kraft do outro e tem gramatura alta.

Os únicos cuidados é não deixar molhar, uma vez que é papel. Molhou fica aquela coisa molenga, além de perder a peça. Abaixo alguns exemplos de fotos feitas no fundo on the budget. Ainda não ficou como quero, as fotos, estou me adaptando com o novo fundo, mas é promissor.

Se quiser outras dicas no campo da fotografia, temos os seguintes posts:

Livro Ladurée Doces
Como se faz: Fundo Barato para Fotos de Comida

Grãos de café
Sorvete de Café (ou Heaven should taste like)

Cupcake Saint Patrick’s Day

Oi, Eu sou o Vitor Hugo!

Cientista e Cozinheiro que juntou duas paixões Ciência e Comida: a melhor combinação que existe! Diferente, né? Vem saber mais…

Deixe um comentário

Por causa das mudanças de privacidade feitas na Comunidade Europeia, o seu comentário não irá aparecer imediatamente, caso a opção de salvar os dados não for marcada.

Seu email não será publicado. *Campos obrigatórios.

38 Comentários (Deixe o seu!)
  1. Parabéns pelo post! Acho que a pior parte do blog é montar o “cenário”para tirar a foto. Acho que são tantas coisas para pensar que nunca sei por onde começo. Você SEMPRE tira com a luz do dia? E quando faz pratos à noite? Estou reformulando meu blog e quero melhorar minhas fotos!

    1. @Karoline: obrigado! :) Na maioria das vezes, sim, durante o dia. Caso não deu tempo de tirar no mesmo dia, tiro no dia seguinte, geralmente.

  2. Oi Vitor,

    Desculpe a pergunta boba, mas esse fundo vc usa “dobrado” em 90 graus? Como se fosse uma parte plana e outra formando uma parede? Ou é apenas a cartolina plana numa mesa? Pelas fotos não consegui identificar…

    Abraços!

    1. Isso, fica em formato de “L”, sabe?

  3. Bem, vou dar uma dica… podem usar tranquilamente um pedaço de Dutarex, Fórmica ou até mesmo MDF laminado. Existem em diversas cores e texturas, do brilhante ao fosco, é durável, barato , lavável e vc consegue no tamanho que quiser. Basta ir a uma loja que venda ou trabalhe com madeiras. O custo benefício compensa mais do que viver gastando com materiais alternativos. acredito que entre 5 a 10 reais dependendo do material escolhido.

    1. Como digo no texto, a ideia é ser “on the cheap”, né. Procurei madeira e afins, mas o custo não compensava por isso parti para material que já possuía. MDF do jeito que preciso não sairia por menos de R$20, por exemplo.

  4. Oie, adorei a sua dica, vou tentar fazer essa tbm! Esses dias comprei um papel cartão folha dupla (acho que é esse o nome). Ele é bem grande e relativamente grosso, consegui fazer algumas fotos legais e o custo da folha aqui em Brasília foi R$1,99. Em breve colocarei uma foto no blog!!!! Beijok

  5. Fiquei pensando com os meus botões, e acho que outra alternativa mais durável que a tinta, mas um pouco menos durável que o plástico, seria encapar o papelão com contact ou vinil branco. Se o trabalho for bem feito, não deixando bolhas e encapando todas as superfícies mesmo que o fundo do prato, por acidente, esteja molhando quando for tirar a foto, o resultado não será tão drástico! E até onde eu lembro, quando ainda estava no Brasil, já havia contact com texturas… o que pode dar um outro aspecto para o seu fundo…. quem sabe até para variar um pouquinho, aqueles que não são tão fãs do fundo ‘estourado’ branco, mas querem um fundo melhor para as suas fotos….

    1. Hum… gostei da ideia do contact. Só acho que, talvez, vai ficar um pouco texturizado por causa do papelão não ser tão liso assim.

  6. CHO-QUEI! Ficou muito bom o fundo branco e suas fotos ficaram muito lindas! Vou experimentar pra ver se melhoro minhas fotos e, se der certo, posto no blog (com seu link, claro!).

    Beijo grande ?

  7. Obrigada pela parilha. Realmente é difícil tirar fotos, quando não se tem o fundo apropriado! ´´Otima dica, bj

  8. Muito interessante esta dica!

    Eu comecei a usar fundo branco nas minhas fotos, e mesmo com uma maquina bem ruim (Nikon Coolpix L19) o resultado é notoriamente melhor!

    Só que o meu fundo não é de papelão e nem de madeira, é de uma espécie de plástico, utilizado normalmente para fazer pastas A3 ou A2 chamadas de pasta polionda…
    Então tenho 3 chapas deste plástico, na cor branca, o que me permite além de fazer a base usa-los como fundo, a vantagem é que não estraga se molhar, e caso comece a ficar sujo é só limpar!
    Só não posso dizer se é fácil de encontrar para comprar assim em placas, porque no meu caso, moro ao lado de uma gráfica e encontrei estas chapas no lixo reciclável deles =P

    Mas se alguém já tem uma pasta desta velinha… ou estiver disposta a compra-la só por conta do material…. fica a dica ;)

    1. Tentei encontrar esse tipo de material, mas não achei. Por isso acabei indo para os alternativos, sabe? Já me falaram para usar folha de PVC, acrílico e afins, mas não encontro. Se fosse de plástico ia ser a glória!

  9. Vitor, vc é uma pessoa chique rs.
    Legal a materia que saiu na Folha 2! (eu acho que só pode ser vc mesmo ne!? ô.O)
    Parabens! e muito sucesso!

  10. Vitor, pessoas como você é muito difícil de encontrar.
    Cara, você compartilha conosco coisas tão simples e que tem um efeito estupendo. Obrigado mais uma vez! Que dica legal a de hoje.
    Abraço,
    Silvana

  11. Que bacana! Vou voltar aqui mais vezes!

  12. Que lindo!!! Que legal você ensinar isso! Obrigada!

  13. Manchou? Nossa. Eu sei anos folhas de EVA (verdes…) como forro de prateleira de armário de cozinha, colocava latas de azeite, e outras diretamente sobre elas sem problemas. A única coisa que derramou e verdadeiramente marcou foi shoyu.
    Atóxica? Me pegou… acho que as base água até o são, depois de secas… ninguém vai beber tinta, afinal. Nem pensei nisso porque, afinal, o alimento não entra em contato com o fundo na fotografia. Bastando estar bem seca, já isenta de cheiro, acredito que não haja problemas não.
    Abraços.

    1. Ficou uma coisa lamentável, hahah Contato direto, não. Mas no caso, a base também é pintada… podem até não serem tóxicas, mas na dúvida.

  14. Très chic! Eu sou justamente o contrário…acho que até over, mas eu me divirto tanto montando uns cenários para as receitas ou doces…bem que eu devia aprender com vc e me controlar! Vou experimentar. Um beijo!

    1. Não que eu não gostei de cenários mais rebuscados, até gosto. Mas não são lá o meu estilo para foto, sabe?

  15. Oi Vitor, valeu pela dica, gosto bastante do seu blog!
    Qual modelo e marca da câmera que você usa?

    1. A camera-base é Canon Rebel XTi (ou 400D) com lente Canon 50mm f/1.8. Certo? :)

  16. Muito bom divulgar essas técnicas. Fiquei pensando apenas uma coisa sobre o problema de se molhar a peça ou a cartolina, que fica manchado… e se usássemos um material como EVA branco? Folhinha de 1,5 ou 2 mm, do tamanho de uma cartolina, e é “borracha”, lavável. Só tem que tomar cuidado para não vincar nem deixar peso sobre ela por muito tempo, pois marca.
    De fato o fundo branco, estourado, que vc usa dá um efeito muito bom. Querendo agregar elementos, podemos nos valer de talheres, taças, um jogo americano liso ou texturizado (mas não estampado), tomando cuidado pra não exagerar.
    No caso de fotografarmos líquidos transparentes, ainda que coloridos, tais como vinhos, azeites, devemos lembrar de manter um elemento escuro no fundo, fora de cena, seja para cima ou para os lados do enquadramento, para que a refração no líquido tenha contraste.
    E para tinta acrílica, não vamos esquecer as “de parede”… um quarto de galão (900ml) deve custar aproximadamente o que vc pagou da tinta de tecido de 250ml, ou um pouco mais, e ainda dilui, existe em versão lavável, brilhante, semi-brilhante, fosca…

    1. Já tentei usar EVA, mas não gostei do resultado. Vincou, as fotos ficaram estranhas… sem falar que dá uma manchada legal também. Tinta de parede, creio que é too much, não? Sei que existem versões a base d’água, mas são atóxicas assim? hahahah

  17. Não acho que vc estacionou, mas encontrou o seu estilo. Gostei da sua dica! Eu tenho mta dificuldade com fundo infinito.

    Beijos, Grau

  18. Valeu pela dica Vitor, estou estudanto fotografia e ávida por dicas diversas! Já incluí em minha lista de links no Blogs de Culinária em Fotografia de comida.
    bjs

    1. Fotografia, de comida, virou uma paixão também. Pena que tudo PRO é tão caro, então, a gente vai dando um jeitinho.

  19. Muito boa dica no mundo onde uma imagem vale mais que mil palavras!

  20. Adorei o post!
    Otimas dicas Vitor, e parabéns pelas fotos, ficaram lindas!

  21. Nossa, adoreiii a dica! Certo que vou fazer ainda essa semana! Obrigada!

  22. Muito bom a post e as dicas!
    Vou usar! :)

  23. Ótima dica! Com certeza vou testar!
    Tenho usado papel cartão branco (pelo menos foi como a vendedora chamou), que tem exatamente essas características que mencionou sobre a cartolina americana.

    1. Cada lugar deve ter um nome para esse papel, né? Importante que é baratinho e dá para variar, heheheh

  24. Vitor, você trabalha com algum tipo de iluminação específica? A lente da sua máquina é macro ou é a lente normal das câmeras DSL?
    Abs

    1. Específica até é, depende do ponto de vista. Uso luz natural = luz solar. Lente normal, é uma 50mm f/1.8.

  25. Sua generosidade = sua marca!
    Ainda espero receita sua (qq uma para constar de meu livro de receitas, devidamente assinada e lincada)
    bjs

Trackbacks/Pingbacks

  1. Link Love da Semana | SuperZiper

    […] O Prato Fundo explica como se faz um fundo para tirar foto de comida mas que pode muito bem ser usado para fotos de […]