Quentão de Vinho (Vinho Quente)

Para animar e aquecer a sua festa junina e as as noites frias nada mais gostoso que um Quentão de Vinho com aquelas especiarias!

Xícara com quentão de vinho sobre uma tábua de madeira com especiarias

Antes que alguém fale: mas quentão é de cachaça e não vinho!

Também minha gente! Vamos lembrar que o Brasil é enorme e regionalismos vão existir. Por exemplo, para mim, quando falam quentão já imagino com vinho e não cachaça.

Então, em alguns lugares quentão é apenas para cachaça. Para outros pode ser usado tanto para o quentão feito com vinho ou cachaça. Combinados? Joia!

Quentão é a bebida para a festa junina e julina, não é mesmo? Uma bebida quente para aquecer aquelas noites frias e super fácil de fazer! Além de você poder mexer como quiser.

Calda de caramelo com especiarias e casca de laranja e limão dentro de uma panela

Dicas para o Quentão Perfeito

  • Caramelizar o açúcar ajuda a deixar menos doce e adiciona um sabor de caramelo ao fundo.
  • Use as especiarias que mais gostar também, na minha receita usei os mais tradicionais de festa junina (canela, cravo e gengibre). Outras opções: anis estrelado, noz-moscada e cardamomo.
  • Em algumas receitas também é colocado maçã cortada em cubos e a casca, se quiser é uma ideia!
  • Use um vinho que você gosta de beber normalmente, não precisa ser caro e cheios de notas. Afinal, vamos aquecer e colocar outros ingredientes. Também funciona com um vinho de mesa doce que é mais barato, só vai ficar mais doce.
  • Se você quiser que fique mais suave (menos alcoólico), ferva por mais tempo para remover um pouco do álcool. Mas lembrando: Álcool não sai todo da comida.
Gif para se inscrever no canal do PratoFundo no Youtube
Quentão de Vinho com Açúcar Queimado (Vinho Quente) | PratoFundo

Quentão de Vinho (Vinho Quente)

Pré-preparo: 10 minutos
Tempo de preparo: 20 minutos
Total: 30 minutos
Rende: 2 copos
Autor: Vitor Hugo

Ingredientes

  • 1 laranja (a gosto)
  • 1 limão taiti (a gosto)
  • 70 g ( xícara) açúcar cristal (ou refinado)
  • 125 mL (½ xícara) água
  • 2 canela em pau (a gosto)
  • 10 cravo seco (a gosto)
  • 20 g gengibre fresco (em rodelas; a gosto)
  • 50 mL (¼ xícara) cachaça branca (a gosto)
  • 300 mL (1 ¼ xícara) vinho tinto (seco; usei Bordeaux)
Recomendo sempre usar as medidas em peso e volume quando presentes. As medidas em xícaras/colheres são apenas uma cortesia do sistema e são menos precisas.
1 xícara: 250mL | 1 colher de sopa: 15mL

Modo de Preparo

  • Descasque a laranja e limão sem a parte branca. Será usado somente as cascas na receita, cerca de metade das cascas. Reserve.
  • Derreta o açúcar em uma panela até virar caramelo, cerca de 3-5 minutos.
  • Adicione a água com cuidado, irá borbulhar bastante.
  • Adicione canela, cravo, casca da laranja e limão, gengibre e cozinhe por 2-3 minutos em fogo médio.
  • Acrescente a cachaça e cozinhe por mais 1-2 minutos.
  • Junte o vinho e cozinha por mais 3-4 minutos. Dependendo do seu vinho, se for seco demais, pode ser necessário mais açúcar. Ajuste as especiarias.
  • Retire do fogno e sirva quente!
  • Fica melhor se você abafar com uma tampa por 10 minutos fora do fogo para deixar as especiarias liberaram mais seus sabores. E depois reaquecer para servir quente.

Esta receita é destinada para maiores de 18 anos.
Vem me acompanhar!Confira mais novidades no meu Instagram @PratoFundo!

Apoie o PratoFundo!

Gostou da receita? Você pode ajudar a deixar ainda melhor, saiba como APOIAR O PRATOFUNDO!

Você lendo o PratoFundo: site totalmente independente sobre comida possível com receitas para o dia a dia, ocasiões especiais, e associado a Ciência de Alimentos. Gostou do nosso conteúdo? Você pode ajudar, APOIE O PRATOFUNDO!
Artigo por: Oi, Eu sou o Vitor Hugo!

Farmacêutico, Produtor Gastronômico e Comunicador de Ciência de Alimento. Uma combinação diferente, né? Vem saber mais…

Deixe um comentário

Por causa das mudanças de privacidade feitas na Comunidade Europeia, o seu comentário não irá aparecer imediatamente, caso a opção de salvar os dados não for marcada.

Seu email não será publicado. *Campos obrigatórios.

Avalie a receita:




Um Comentário (Deixe o seu!)
  1. Quentão me lembra cachaça ruim e gengibre.
    Só tem vinho quando você segue mais para o norte do país. Senão é vinho quente mesmo.