Você Já Comeu Natto?

Última atualização: 13 de novembro de 2016

Por em

[Video: Já comeu Natto?]

Já?

Aliás, sabe o que é Natto (pronúncia seria nattô)? Sendo bem direito: grão de soja fermentada.

Pelo nome é possível perceber que a origem é japonesa, um prato bem tradicional nas bandas de lá. Desperta apenas duas reações básicas: amor ou ódio. Seu aspecto e cheiro não são dos melhores devido a fermentação. E quando digo fermentado, é isso mesmo. Tudo bem que não é com leveduras, mas com a bactéria Bacillus subtilis natto.

É bem nutritivo, rico em vitamina K, cheio de benefícios para a saúde e todo aquele discurso saudável… mas é soja fermentada e fede (eu achava)! hhahahah A maneira mais comum de consumo é com arroz, mas já foi comido junto com praticamente tudo. Até com sorvete… :x

Foto original de Jasja Dekker via Flickr | Creative Commons

Foto original de Jasja Dekker via Flickr | Creative Commons

Mesmo eu tendo os dois pés na cultura japonesa nunca havia experimentado essa delicacy, apenas lido e escutado bastante sobre. E por isso fiz este artigo: tomei coragem (será?) para experimentar o tal natto. Muitas pessoas falaram para provar, pois gostam bastante do produto.

Compre pelos links abaixo. O valor não muda e você ajuda o PratoFundo:
SubmarinoShoptimeAmericanas

Após 600 dias os comentários são fechados automaticamente. Qualquer coisa, entre em contato.

37 Comentários (Deixe o seu!)
  1. Sem Avatar Clara:

    “Pensa em soja, pensa em soja”
    xD
    Òtemo. Mas nem fiquei com vontade de provar não…

  2. O copão de coca pra empurrar foi demais… hahauahhuaa.
    Não convenceu… Não conseguiu vender o produto!
    Abraço!

  3. Sem Avatar Gabriel Gilini:

    Eu já comi várias vezes na casa de um amigo japonês, a vó dele fazia. Eu achei bem gostoso de comer com arroz, sim, mas acho que não é algo que eu iria atrás pra comprar :)

  4. Hahahahahahahahaaaaa! Vitor Hugo, ADOREI o video, muito legal!! Mas acho que não vou encarar o natto não :) bjs!

  5. Sem Avatar Dri Simizo:

    Vai dizer q vc jogou o q sobrou?? Rsrsrs =D!
    Comi natto com curry, o que disfarça um pouco o melado. A versão importada é bem mais suave! Vem em três potinhos de isopor..Se vc topar com um algum dia e resolver experimentar.. =P
    A tristeza foi qdo experimentamos uma receita “tradicional”: colocar ovo cru com shoyu. Para piorar meu pai “bateu” o ovo! Nem tive coragem de tirar foto! Ficou horrível!! XD!

  6. Sem Avatar Luiza:

    Adorei o video. Bom saber que vc não tem só camisa polo! rsrsrs
    Nunca ouvi falar de natto, só de tempeh. E tempeh também é soja fermentada?

    Eu encaro, vou procurar aqui na minha cidade e vou experimentar… e quem sabe eu nao grave um video! hahahahaha

    Abraço,
    Luiza

  7. acho q vc devia testar com curry!

  8. Sem Avatar Simone izumi:

    Uva?????
    Amargo???
    kkkkkkkkkk…o video ficou hilario, vou te enviar um video da lalinha comendo natto.
    Aqui em casa vai um pote por dia… Eu não gosto de comer, tampouco de lavar a louça (ieeeca…o grude realmente nao sai facil), masss…aqui em casa faz sucesso.
    bisous,
    si

  9. AHHHHHHHH como vou criar coragem com esse golão de coca?? õ_Õ
    Rs, mas as dicas do pessoal parecem interessante. Com curry, acho que até rola ein…

    Mas… vem cá… cheiro de uva? ¬¬;

    bjs

  10. Sem Avatar @vcassarotti:

    Falae!!! O mais legal foi vc tentar se convencer de que PARECIA UVA…

    Vou aproveitar que vc e outros tantos tomaram a iniciativa e comprar um potinho de natto.

    Parabens pela coragem! Aguardamos o próximo…

  11. Meodeoooooos que hilário!!!!! kakakakakakakakakakkaka

    Muito engraçado o seu vídeo, como sempre!
    Como já disseram você não deixou a gente com muita vontade de experimentar, mas como amante da culinária japonesa acho que um dia vou tentar, seguindo todas as dicas dos comentários: comprar um importado e fazer com curry rs…

    Parabéns! Ficou realmente hilário (fiquei rindo muito aqui rs)
    Beijos!

  12. Bravo/ Omdetetou ! Agora você pode dizer que já experimentou. Eu não amava muito natô até alguns anos atrás porque só tínhamos acesso ao natô nacional, que ao meu ver é muito forte e deixa um resídio amargo (aftertaste) na boca depois que você o engole. Depois que começamos a ter acesso ao natô importado aqui em sp viciei a ponto de comer várias vezes por semana. A diferença é gritante, não deixa gosto amargo na boca, os grãos são menores e vêm com molho ( como a Adri já falou). A minha mais nova descoberta é colocar molho kimuchi ( molho coreano picante ) em cima do natô, fica d-e-l-i-c-i-o-so.

    Natô é um gosto adquirido, eu acho que com o tempo você vai sentir uma vontade inconsciente de comer natô ! Bj

  13. Eu já estava vendo a hora que você ia limpar a língua com o guardanapo para tirar o gosto da boca :-D

    Muito divertido. Mas nem um pouco apetitoso :-P

    Beijos!

  14. Sem Avatar Nina:

    simplesmente adoro!
    bjus

  15. Sem Avatar Renata:

    Puxa, divertidissimo o video!! Mas cheiro de uva é novidade pra mim!
    Eu adoro natto!! E tenho que admitir, adoro babinha :-) tanto q amo caruru!! Em casa comemos com ovo cru + shoyu + cebolinha picadinha! Vc precisava fazer outro video, mostrando que arroz japones (saindo quentinho da panela) com ovo cru e shoyu em cima fica delicioso! Pena q eu sei q vc evita ovo cru, mas que fica bao fica!
    Abs

  16. Sem Avatar Claudia:

    Tou foooraaaaaaaaaaaaaa!!!! Pra natto eu fico com o irracional “não comi e não gosto”.
    Minha bisavó fazia natto em casa, e meu pai (que tem DNA de avestruz) não come isso até hoje. Quase entrei em choque quando ele disse que ele não punha isso na boca pq tinha nojo.
    Vc já viu “iron chef”? Tem um episódio que é a batalha do natto… vc podia tirar umas idéias de receitas de lá, quando resolver se aventurar de novo com o natto… Hihihihihihihihihi!!!
    Argh! Argh! Argh!
    Mas muito bom o vídeo, hilário!
    Abraço!

  17. Sem Avatar Nina:

    Nossa que coragem!!!! hahaha
    O aspecto não é NADA bom…!
    E se nem o sabor e o cheiro ajudam… pior ainda!
    O q você fez com o resto? hehehe
    Abraço

  18. Hahahahahaha, não me inspirou não. Mas dei mta risada. Nem pensando que é soja hahahahahahah
    Beijos

  19. Sem Avatar Daniela:

    Como lembrou a Clara…

    “Pensa que é soja…”

    Tô rindo até agora.

    Não fiquei nem um pouco com vontade de provar…tô mais pro tipo “ECA”. rsrsrsrs

  20. Sem Avatar Felipe:

    Cheiro de uva, gosto amargo ?
    totalmente diferente… AMOOOOOOOOO Nato Axo que é uma das 10 coisas mais gostozo da culinaria japonesa…
    la no japao…eu passei uma temporada de um ano…. (Eu já morei la qdo era piqueno e gostava de Natto)

    Quando poder Eu posto um video comendo pra vc6 passarem vontade

  21. Se antes já não provaria natto, imagine agora!! kkk
    Só mesmo empurrando com uma bebidinha! Gostei do post e do video, me prendeu a atenção.

  22. Sem Avatar Rute:

    Cara, eu lembro de ter provado, mas não lembro de ter sido tão ruim. Mas.. seu vídeo é o melhor UAHEAUHEAUHE adorei !

  23. Oi Victor,
    Adorei o video e o comentarios, mas é isso que você falou ou ama ou odeia..rsrsr
    Eu particulamente adoro!
    Tenho um baby de 1 ano e meio e ele adora!!! Ninguem acredita quando eu conto.
    Minha sogra faz uma versão que vai cebolinha, tomate e cebola bem picadinhas e tempera com 1 gema, shoyu, ajinomoto mistura tudo, come com goham bem queitinho e fica bom…
    Adoro seu blog!
    Bjs

  24. Sem Avatar Katia:

    Parabéns pelo vídeo, ficou bem engraçado.
    Agora, vem cá. Cheiro de uva? Eu não como faz uns anos, porque quem gosta de nato em casa sou eu e meu pai, minha mãe detesta e meu marido odeia comida japonesa, mas tinha tudo menos cheiro de uva..rss. Quanto a gosto amargo, o nacional tem sim um sabor mais forte.
    Eu gosto de comer com shiro gohan, shoyu e cebolinha verde picadinha. Já li que comer com kimchi de acelga fica bom também (fedido por fedido, pelo menos fica picante).

  25. Sempre fazendo a gente rir… não sei até que ponto isso de “pensa que é soja” vale o sacrifício, tenho lido barbaridades sobre a soja… dá uma olhada na Men´s Health deste mês. Eu ouvi primeiro de um profissional de saúde muito sério que a soja causa problemas gastrointestinais. Achei estranho. Andei olhando na internet e li uns artigos ainda mais suspeitos. E aí a revista publicou reportagem (a chamada de capa é “soja: não caia nessa cilada”) falando horrores. Logo agora que eu tava começando a gostar! Beijos!

  26. Sem Avatar Jéssica:

    Rapaz, adorei o site e os vídeos! Já está na minha lista de favoritos. Quanto ao natto, é uma das minhas comidinhas preferidas. Adoooro! Experimente com gengibre raladinho, shoyu e cebolinha. Como dois potinhos temperados desse jeito, mesmo o marido reclamando do cheiro e dizendo que parece vômito.
    Abraço

  27. Oi Nadia,

    Essa matéria da “Men’s” eu não sabia, vou tentar ler. Considerando a publicação em que o forte não tem lá muito fundo científico, eu fico com um pé atrás com a “Men’s”.

    É um pouco estranho esse “buzz” sobre a soja, se você olhar bem, a alimentação asiática tem a soja como uns dos pilares, não? E é uma das comunidades relativamente saudável e que possuem uma longevidade grande.

    Ah, e o mais estranho de tudo é: o natto é considerado um alimento extremamente nutritivo e saudável. Mas eu passo, hahahahah

    Que paradoxo, hahahah! Creio que “problema” maior é o excesso, tudo em demasia faz mal, né? :)

  28. Sem Avatar Drik:

    Estava fuçando sites de amigas (nathy2) e vim cair aqui.
    Gostei de seu senso de aventura gastronômica!
    Olha, não deu pra ver direito como você preparou o dito cujo pelo vídeo, mas… Se me permite o pitaco, acho que faltou misturar o suficiente, por isso ficou amargo. A função do misturar bem é criar aqueles “fios” que nada mais são que glutamato, que dá sabor aos alimentos (sabe o aji-no-moto?) Dizem que o natto você deve pegar um hashi e misturar até 100 vezes pra conseguir que todos os seus nutrientes sejam “ativados” (eu acho que é lenda).
    Bom, se tiver oportunidade, tente de novo misturando o suficiente para ficar bem viscoso. Fará bem pro paladar e pra saúde! Ah, e sempre acrescente cebolinha ou karashi (pode ser mostarda amarelinha), que têm a função de tirar o cheiro de amônia da fermentação (cheiro de uva… essa foi peculiar!).
    Virei fuçar outras vezes. Abraço.

  29. Meu deusss! Corajoso! Detesto natô! Argh!!!

  30. Sem Avatar Rê:

    Nossa o vídeo ficou muito bom!!! XD
    Eu adooro natto!!! E na minha família inteira só eu, minha prima e meu avô (que foi quem me ensinou a comer o natto) gostamos.
    Na minha opinião o natto fica muito mais gostoso quando você tem como acompanhamento o sukiyaki. Sempre que fazemos sukiyaki em casa tem que ter natto (pelo menos pra eu comer) XD

    Mas foi ótimo vc tomando coragem! A maioria das pessoas fazem uma cara beeem pior quando veem a aparencia do natto… e é claro o cheiro XD

    bjos

  31. Sem Avatar Dalton:

    Não é amargo… isso veio do cérebro…

    Devia ter provado o importado. O japonês é mto superior e mais saboroso. Shoyu, cebolinha, mostarda…

    Estou morando no interior de SP, fica mais difícil comprar o importado, mas aí nem compro. É comparar Mercedes com Volkswagen. Natô nacional é um lixo!

    É uma iguaria exótica, que realmente requer tempo de adaptação, como o fígado, o jiló, mas na culinária não se pode ficar no “gostei” ou “não gostei”. Tem que analisar os sabores e insistir, pois nas primeiras vezes o preconceito é inevitável. E com preconceito, nada desce.

    Abraços!

  32. Olá Dalton,

    Ser coisa do meu cérebro é meio redundante dizer, não? Não acredito que requer adaptação. Experimentei e tenho capacidade suficiente para perceber que não gostei, ué.

    Não creio ser necessário insistir em algo que ao comer não me proporciona prazer, não acha? Se fosse preconceito, eu nem teria comido.

  33. Sem Avatar Viviane:

    Adorei o video !
    Parabéns!!! Quero comer Natto. Deu vontade! ;)))))))

  34. Sem Avatar Julia "Nemo" Aidar:

    A soja pode fazer muito mal ou ter um bom valor nutricional, depende da variedade plantada e de como ela é preparada.

    A soja tem várias toxinas, que causam principalmente doenças da tiróide, neurológicas e câncer. A fermentação destrói quase todas essas toxinas, não por acaso os produtos TRADICIONAIS de soja japoneses são quase todos fermentados (como o shoyo, o natto, missô e o tofu). Assim sobram apenas os benefícios (que também são muitos) desse alimento.

    Ou seja o que faz mal são as “modernidades” como proteína de soja e especialmente o leite de soja (que é pior ainda por conta dos métodos de extração). Além disso muitas variedades de soja transgênica “aguentam” mais pesticidas, que ficam como resíduos, e isso nem precisa explicar o quanto é ruim.

  35. Cara otimo video, muito engraçado, rapaz eu to com muita saudade de comer natoo, antigamente minha mãe fazia aqui no Brasil, depois fui trabalhar no japão e me acabei, de tanto comer, e lá é muito bom, aprendi comer com um ovo, e ao inves de colocar apenas shoyu, colocava SAKE kirin e umas gotas de limão, fica uma delicia e agora faz cinco anos que voltei e moro no interior de minas, e ainda não achei natoo, gente, por acaso vcs não sabem algum site de comida japonesa que vende, me ajudem, não se preocupem se vai estragar porque natoo já é estragado, obrigado.

  36. Sem Avatar leila costa:

    eu como puro,e gostoso

  37. Alguém pode me fornecer o endereço de venda do natto importado?

«

»