50 Fatos Sobre o PratoFundo

Por em

[Video: 50 Fatos sobre o PratoFundo]

Em comemoração dos 10 anos do PratoFundo (#PF10anos), vou começar com a famosa e já velha tag “50 fatos sobre…” e ela entra informações que ninguém perguntou sobre o PF e este que vos escreve.

Para quem já é de casa ou está chegando agora, pode ser novidade ou não. Então, vamos lá meusamigos e minhazamigas!

50 Fatos Sobre PratoFundo

  1. O nome PratoFundo veio quase de um brincadeira. Uma colega de interwebs havia sugerido e estava disponível. Na época era a opção menos pior entre as que eu tinha pensado: cheiro verde, salsinha e afins.
  2. Começou literalmente como um blog: em que contava as minhas impressões sobre o curso de cozinheiro técnico que estava fazendo. Os textos originais eu tirei do ar, pois são horríveis e quero reedita-los.
  3. Comida sempre foi um ponto em comum da família. E sendo de imigrantes japoneses, nos almoços na casa da batian tinha de tudo: sushi, pastel, churrasco, croquete, macarronada, feijão, arroz… ao mesmo tempo. Sem falar em pão caseiro e rocambole.
  4. O “é pra comer” que eu falo é algo que vem desde que eu me lembro por gente. Quando minha meus pais falavam que tinha presente pra mim, eu perguntava se era pra comer. Só fui perceber que era algo constante durante a faculdade que apontaram que eu falava isso sempre!
  5. Não posso ir em papelaria e loja de construção: quero tudo, nem sei para que serve, mas quero. Tipo uma serra tico-tico, preciso? Não. Mas eu quero, ou uma impressora de corte, preciso? Também não. Mas necessito. Aceito uma cricut, aí gente!
  6. Minha formação básica foi em Farmácia com Habilitação em Análises Clínicas (exames laboratório). Minha grade foi antes da mudança para a generalista. Trabalhei na área e acabei me focando em imunologia/sorologia em doenças sexualmente transmissíveis (DST), era responsável por alguns dos exames do Pré-Natal onde eu trabalhava.
  7. E não, eu não sei fazer lança perfume, seus dorgados.
  8. E a parte de comida veio com faculdade em superior de Tecnologia em Gastronomia e pós-graduação em Alta Gastronomia. A pós foi prêmio da faculdade por eu ter me formado com Láurea Acadêmica entre os cursos de tecnologia. Tudo bem que a minha média foi maior até do que do pessoal de Bacharelado.
  9. Realizei outro sonho acadêmico: cursei mestrado em Ciência de Alimentos e minha dissertação focou em fermentados, mais precisamente em Kombucha (chás fermentados e não, não tenho madre). Mas tive que aprender de tudo, por isso implico tanto com o termo fermentação natural (spoiler alert: não quer dizer nada).
  10. Quase esqueci, fiz MBA com ênfase em Meio Ambiente na parte de controle de qualidade. Os protocolos da ISO 9000, 14000. Sim, sou a personificação do nerd old skool de raiz estudioso que era considerado ofensa na minha época.
  11. Ah, cursei 1 ano de Análise e Desenvolvimento em Sistemas. Mas larguei para justamente fazer Gastronomia. Não ia conseguir pagar as duas, né gente.
  12. O PF é um feito no esquema de “banda de um homem só”. Eu faço tudo no canal e no blog. Desde do layout até a codificação do php/Wordpress. É tudo a gente, desde o começo. Meio controlador (control freak) e a gente é pobre para contratar alguém também.
  13. Já quis aprender a tocar violino, mas nunca fui atrás. Aí, fica bem difícil!
  14. Já fui cosplayer… mas encontrei a luz! hahahah Os principais foram Yusuke Urameshi e col. Roy Mustang. (Meu passado me condena)
  15. Minha base de amigos veio, praticamente, toda da internet e por causa da comida. São pessoas que eu conheço por causa do PF. Não fiquei rico de dinheiro, mas conhecia pessoas que valem ouro. (Mas que piegas, socorro)
  16. Quando era mais novo, era fanático por Arquivo X. Fanático. O que gastei de fita VHS gravando os episódios. I want to Believe. Acho que os mais novos nem devem saber o que é VHS, hahahahah
  17. Fui professor de faculdade! Olha que chic, em curso de Gastronomia.
  18. Acho que falo em quase todo video, mas a gente é Intolerante à lactose e ao Álcool. Sim, todo errado. E acho que me descobri… alérgico a corante vermelho para aumentar a lista.
  19. Queria ter os bonequinhos dos Cavaleiros do Zodíaco, mas era tão caro na época. Hoje em dia ainda continua muito caro… prefiro gastar com comida. Prioridades, prioridades.
  20. Quando era mais novo, criança mesmo, gostava de comer ovo cozido em ponto firme com açúcar. Vai entender. Minha mãe dizia que meu avô fazia isso e eu copiei.
  21. Meu nome é por causa do escritor francês Victor Hugo (foi o que a minha mãe contou). E eu preciso ler Les Miserables, mas quero ler em français.
  22. Oui, mes amis, je parle français. Ne pas bien, ça va? ;)
  23. Detesto tirar foto minha, mas gosto de fotografar. E sim, é estranho não gostar de tirar foto, mas virei Youtuber aparecendo nos vídeos. Mim deixa (sic) com as minhas idiossincrasias!
  24. Não moro em SP, mas no interiorrr do Paraná! Adoraria morar em São Paulo, como eu quero e muito. É uma das metas a curto prazo, então, ajuda a gente aí: se inscreve no canal (http://youtube.com/pratofundo), curtindo, compartilhando e tudo o mais!
  25. No Youtube: um dos primeiros vídeos que eu me lembro de assistir foi a Michelle Phan. Sim, a beauty/lifestyle guru. No começo ela fazia coisas de games e afins. E de comida provavelmente foi o Cooking With Dog, uma pena que o Francis (o dog) faleceu no final de 2016.
  26. Adoro sapos/rãs. Não sei o porquê, mas adoro os bichinhos na ordem Anura. Tão fofos e possivelmente tóxicos/venenosos! Como não amar?
  27. Todas as receitas que faço para o canal/site viram parte da minha alimentação normal. Por isso, só faço o que eu gosto… hahahah Porque quem vai ter que comer depois, sou eu.
  28. Sempre que eu vou em algum restaurante/lugar para comer, já me preparo pra alguma coisa dar errada. Meu pedido não vir, meu corpo estar lascado, ver sujeira onde não devia, cabelo na comida. Se tiver em grupo, eu serei o escolhido.
  29. Morei por quase 7 anos em Campo Grande/MS. Gente, como era calor, mas muito calor. Mas tinha as capybaras bonitinhas!
  30. Fui uma criança obesa e perdurou na adolescência. Não sou super mega plus magro, pois no meu caso: eu como mesmo. Fiz reeducação alimentar e consegui emagrecer. (Leia mais: Como emagreci 30kg)
  31. Ainda quero ir para o Japão aprender a confeitaria clássica francesa com influências asiáticas. Em 2020 quero ir para o Japão por causa das Olimpíadas.
  32. Como bom cozinheiro que encarnei, meu guarda-roupa é tipo do Cebolinha/Mônica: tudo igual. Camiseta branca básica e jeans. As camisas são praticamente só para gravar os vídeos. Não me julguem.
  33. Isso vai denunciar como eu sou velho, mas eu gosto de ir em mercado. Sempre dou uma passada, mesmo que não esteja precisando de nada.
  34. Meio óbvio, mas eu sempre gostei de Ciência como uma maneira de adquiri conhecimento. Sempre. Não podia ganhar um brinquedo novo que eu já queria desmontar para ver como funcionava.
  35. O gosto pela comida/cozinhar, nasceu mais por necessidade do que outra coisa. Eu cozinho porque eu gosto de comer. Hoje eu gosto de cozinhar também, mas eu gostava mais primeiramente era de comer.
  36. E tudo isso foi por causa de um entrevista muito antiga da Marília Gabriela fez com um chef de cozinha gringo que vive no Brasil (eu não lembro quem era), e falou: para você mandar, você precisa saber fazer. Isso ficou marcado na memória. E depender dos outros para comer o que eu quero, não vai acontecer. Vou lá e faço.
  37. Depois de velho me descobri: Crazy Cat Gentleman. Não posso ver um gatinho que já quero apertar, amassar tipo a Felícia. Ainda não tenho, e talvez nem poderei: a rinite é nossa fiel colega. Ou estou no ápice da infecção de Toxoplasma gondii.
  38. Tenho carteira de motorista, mas não gosto de dirigir. Dá muito trabalho, achar lugar para estacionar, fazer baliza… Só de pensar: que tédio, prefiro ir a pé.
  39. Detesto academia, DETESTO MESMO, mas eu faço. Como a gente é veio, não é mais xóvis, preciso para contrabalancear tudo o que como e, além de fortalecer a musculatura das pernas, pois…
  40. Eu gosto de correr, de verdade. É a atividade física que eu encontrei. É o momento que dá aquela desligada em tudo e pensar em terminar a volta.
  41. Gosto de comer tudo. Ou melhor, experimentar mesmo. Afinal, faz parte do meu trabalho. Mesmo que eu “não goste”, sempre experimento. Igual fígado, a textura é o grande entrave pra mim. Mas já comi pate/terrine de fígado de porco que estava uma delícia. Talvez, a única coisa que eu ficaria com bastante receio por ser bad karma: balut (se tu for sensível, não procure).
  42. Já fiz passaporte 3 VEZES e nunca sai do país. Mas desse ano não passa: tenho que ir na VidCon!
  43. Apesar de não poder beber e nem gostar tanto. Abro uma excessão para champagne/espumante… quando é de graça, a gente bebe. Comprar, eu não vou, não é mesmo?
  44. Já tive cabelo azul e piercing na sobrancelha durante a faculdade. Super vida loka.
  45. Apesar de gostar e muito de chocolate, não compro barras, trufas, bombons e afins. Tento evitar a tentação. Prefiro receitas com chocolate: bolo, sorvetes e tortas.
  46. No começo do Instagram, detestei a rede social… mas era tudo recalque porque eu não podia usar, meu celular era ruim demais na época. Tirando o YouTube, hoje é a rede que eu mais gosto! Me segue lá: instagram.com/pratofundo.
  47. Não gosto de falar no telefone, me dá uma gastura eterna. Mas gosto de skype ou aúdio no whatsapp.
  48. Meu humor é um pouco ácido/irônico… perco o amigo, mas não perco a piada. Isso explicar a minha falta de amigos, hahahahhah E se tu me der intimidade, prepare-se para muitas piadas dúbias e aleatórias.
  49. Tenho 4 tatuagens e foram feitas todas no mesmo dia. Já que era para fazer, vamos nos empolgar!
  50. Nos últimos anos adotei a seguinte prática: se me ofereceu algo (leia-se: comida), eu vou aceitar. Aqui não tem mais dessas de “ofereci por educação”, a gente aceita mesmo. Esteja avisados!

Compre pelos links abaixo. O valor não muda e você ajuda o PratoFundo:
SubmarinoShoptimeAmericanas

Vamos comentar? :D

7 Comentários (Deixe o seu!)
  1. Oi Vitor tudo bacana, mashhh, a pergunta que não quer calar….qual a sua idade? (se ficar encabulado, conto a minha 53–>54 em breve).

    Brincadeirinha (mas pode responder…rs). Legal saber esses detalhes. Que venham mais 10 anos para o PF e mais 50 curiosidades.

    Besos

    1. Hahahahaha, eu tenho 32, por enquanto. hahahaha XD

  2. Sem Avatar Gilson Daniel:

    Vitor, somente hoje encontrei o seu artigo “Como Emagreci 30 Kg”, de 4/2/2011 e atualizado em 8/1/2016. Realmente você apresenta várias sugestões valiosas. Estou em fase de emagrecimento, ou melhor, de mudança de hábitos alimentares. Nunca foi apaixonado por doces, mas não podia ver um salgadinho, ou mesmo um pãozinho francês que me pedia todo. Cortei todos os refri (normal, diet, zero) e bani de vez todas as frituras. Já perdi, ops, queimei 22 kg, e ainda quero estraçalhar com outros 18 K. Sou advogado aposentado e cozinheiro amador em plena atividade ;-)
    Em tempo: completo 70 anos agora em abril. Obrigado.
    Gilson Daniel

    1. Espero que o texto tenha sido um pouco útil! Só não pode esquecer que emagracer só vale a pena se for com saúde, hein? :)

  3. Sem Avatar Laura Techy:

    Adoro o PF e suas receitas, tbm gosto de sapos e detesto telefones rsrsrs!!

  4. Sem Avatar Raquel B.:

    Quanto ao item 37: tenha gatos! Também tenho rinite e tenho uma peludinha! Na primeira semana foi um inferno, fiquei ruim, toda derretendo. Mas depois foi passando. Hoje posso até cheirar a barriguinha dela sem espirrar, hahaha. Me disseram que talvez tivesse que dar banhos frequentes nela pra não ter alergia mas nem foi preciso, é como se minha rinite ignorasse a gatinha. Por fim, a gaternidade foi a melhor coisa que me aconteceu!

    Se tentar adotar explica sua situação e deixa avisado que talvez precise devolver, mas acho pouco provável que precise. Vários gateiros tem rinite e comentam que a gente cria resistência aos nossos bichanos e fica tudo bem :)

    1. Minhas alergias são bem zuadas, hahahah Mas quem sabe um dia! heheheheh Nossa, e leu tudo, socorro! XD

«

»